Descubra como as Redes Sociais pode ser um aliado na hora de divulgar a sua marca

Afinal, para que servem as redes sociais e como as empresas podem se beneficiar delas?

redes_sociais

Se você está com essa dúvida, saiba que pensar no assunto é mais que necessário, ainda mais em um cenário no qual as pessoas firmam relações com as marcas por meio das redes, fazem compras, elogiam, criticam e interagem com o mundo por meio da web.

Foi-se o tempo em que o conteúdo gerado pelas empresas se limitava aos anúncios publicitários veiculados nas mídias tradicionais e físicas. 

Com a internet, as redes são fundamentais para propagar informação, criar campanhas, compartilhar conteúdo relevante e construir o posicionamento da empresa no mundo online.

Enquanto o Instagram é um canal propício para a divulgação de produtos visuais como alimentos, por exemplo, o LinkedIn pode ser um canal mais voltado às conexões empresariais e requer um conteúdo com mais profundidade e formalidade.

Para cada tipo de negócio e persona, existem métodos e táticas diferentes para trabalhar com as mídias sociais de maneira assertiva.

No entanto, o primeiro passo para as empresas que querem melhorar o trabalho nas redes, ou iniciar um projeto nessa parte, é entender o papel das redes enquanto estruturas e pessoas que são formadas no mundo real e migram para o universo virtual a fim de compartilhar interesses em comum.

Quer saber mais sobre esse assunto? Confira esse conteúdo com tudo o que você precisa descobrir para colocar esse trabalho em prática e beneficiar sua marca!

O que são redes sociais e como utilizá-las 

Encontrar uma pessoa que não está cadastrada em nenhuma rede social hoje é raro. No mundo moderno, a internet é quase indispensável para as conexões humanas e união entre pessoas e organizações que compartilham dos mesmos interesses.

Graças a redes como Facebook, Instagram, Twitter e outras, as pessoas podem interagir diretamente com uma marca, comprar produtos, como uma mochila impermeável personalizada, por meio de grupos, fazer amizade, realizar negócios ou até mesmo reclamar de um produto ou serviço de uma forma mais rápida e receber a atenção desejada em menos tempo.

Somente os brasileiros gastam, em média, 9 horas do dia na internet. Desse total, 3 horas são destinadas à navegação nas redes. 

Segundo uma pesquisa realizada pela maior agência especializada em social media do mundo, cerca de 57% da população brasileira usa as redes sociais, o que corresponde a 130 milhões de pessoas.

Nessa situação, já imaginou que aquele futuro consumidor pode estar nesse espaço virtual e se aproximar da realidade dele é positivo para efetuar uma venda ou atrair a atenção para a sua marca?

Os canais digitais são estratégicos para produzir materiais, divulgar informativos, interagir, fortalecer vínculos e estar presente onde seu público também está.  

O caso de uma empresa de pintura residencial que conta com Instagram e Facebook para divulgar o portfólio de serviços e promover anúncios sobre eles é um exemplo básico de utilização desse recurso por um negócio.

Se as campanhas foram segmentadas de maneira adequada, a chance de se atingir o perfil ideal de cliente a partir delas e fechar negócio aumenta bastante. 

Ou seja, as redes são o braço direito na divulgação de produtos e serviços, e por que não apostar nesses novos métodos? Social media é um trabalho bastante promissor e, empresas que se destacam, cuidam da imagem que transmitem.

Quais redes sociais escolher para a empresa?

Com tantas opções de redes, uma dúvida comum é: qual é a mais indicada para a minha empresa?

Antes de fazer um perfil em cada rede, lembre-se de analisar o seu nicho de atuação, o perfil da persona, o público e o canal que está em maior ascensão em termos de negócio.

Enquanto o Instagram é um canal promissor para a divulgação de lojas que trabalham com itens como papel toalha para banheiro, elementos de decoração, entre outros produtos com forte apelo visual, o Youtube é um canal promissor para empresas que apostam no marketing de conteúdo em forma de vídeo para construir autoridade e gerar mais engajamento.

Independentemente do tipo da rede, vale lembrar que todas elas podem ser utilizadas para a construção de campanhas e anúncios personalizados, assim como o Google também é utilizado com essa finalidade.

Por isso, é necessário estudar as demandas minuciosamente ao escolher um canal. 

Veja abaixo algumas dicas para escolher a rede social ideal para sua empresa:

  • Verifique se seu público utiliza essas redes;
  • Analise as funcionalidades da rede e as necessidades de divulgação;
  • Entenda o comportamento do seu público nas redes;
  • Interaja mais, aproxime-se das pessoas e construa seu perfil;
  • Faça um estudo dos hábitos, interesses e outras informações;
  • Pesquise sobre a concorrência e busque saber em quais redes ela está.

Como usar as redes sociais?

Depois de avaliar qual é a rede mais estratégica para seu negócio, é hora de propor ideias e objetivos para alcançar melhorias.

Você sabia que uma rede pode ser utilizada para a promoção de conteúdos relevantes como  a importância e as especificidades do transporte de pequenas cargas no universo da logística que atende o ramo da alimentação?

Muito mais do que um canal de venda, as redes podem ser usadas para agregar valor à vida das pessoas, conversar com as pessoas de maneira direta e mostrar a cara do seu negócio. 

Para a elaboração dos conteúdos das redes sociais, é importante fazer um planejamento que inclui informações importantes do seu negócio, diferenciais da marca e o que pode ser pertinente para o público. 

O tom de voz, a linguagem e o formato dessas informações é muito importante, já que o objetivo da linguagem das redes sociais é gerar aproximação e mostrar para seus clientes que sua marca fala a mesma língua que eles.

Uma empresa que vende extintor de incêndio veicular e outros acessórios para o carro pode abordar a importância do extintor e a obrigatoriedade por lei de forma criativa ou estratégica, na linguagem que o público entende, do jeito que fica mais fácil absorver e comprar essa ideia.

Por esses e outros motivos, as mídias são essenciais para as marcas, já que contribuem para a resolução dos seguintes desafios:

  • Construção de autoridade no mercado;
  • Conquista do reconhecimento de marca;
  • Venda e atração de clientes qualificados.

Ou seja, o trabalho de redes sociais vai muito além de produzir conteúdos e divulgar informações institucionais. 

O conteúdo é uma moeda de troca e a forma de transmissão dessas ideias, a criatividade e o tom das interações é que pode tornar o perfil da sua empresa original e, assim, o posicionamento dela é mais cativante.

Pare e pense: existe alguma marca nas redes sociais que você admira e consegue se divertir com as interações? Tudo isso é estratégia e, para cada canal, é preciso ter um feeling de como passar suas ideias de forma encantadora.

Vantagens das redes sociais

Agilidade, proximidade, comunicação direta e resolução de problemas de maneira prática. Essas características são próprias das redes sociais e podem alavancar o posicionamento do seu negócio em relação aos consumidores.

Uma empresa especializada na venda de chaveiro para abrir carros, por exemplo, pode ter um perfil profissional nas redes alinhado aos hábitos de seu público para divulgar novidades, tirar dúvidas por meio de chat e fazer ações promocionais dos produtos, por exemplo.

De forma geral, há inúmeras vantagens que podem se destacar quando a proposta é utilizar esses canais digitais. 

São exemplos: recomendações espontâneas, maior interação, conquista de novos seguidores, fidelização dos atuais, melhorias no engajamento, entre outras.

Exemplo: uma empresa que trabalha com entrega expressa de documentos pode ter um site, um canal no Facebook, uma página no Instagram e uma conta comercial no WhatsApp. Cada canal tem suas indicações e vantagens.

Enquanto o WhatsApp é mais direto e pode ser utilizado para fechar negócio rapidamente, o Facebook e o Instagram podem ser ótimas plataformas para a criação de conteúdos que trazem temas interessantes para o público, como a importância de um motoboy particular de confiança para fazer as entregas, os benefícios de otimizar a logística da empresa, entre outros.

De forma geral, as redes são um canal para sua marca construir uma imagem, gerenciar críticas positivas e negativas e fortalecer seu trabalho de branding. Quando há algo bom na internet, as pessoas compartilham, marcam os amigos e interagem bastante, certo?

Essas situações criativas servem para isso e as redes, mais do que nunca, têm a vantagem de aproximar a marca da rotina e da realidade dos clientes, seus hábitos e gostos das empresas. 

Em resumo, as vantagens das redes sociais são:

  • Criar oportunidades de venda;
  • Fortalecer o posicionamento da marca em todos os canais;
  • Estabelecer uma rotina interativa com seu público;
  • Gerar engajamento;
  • Fortalecer o relacionamento com as pessoas;
  • Agregar valor com conteúdos diversos.

Assim como os posts positivos podem viralizar e proporcionar um upgrade para as marcas, há o risco do contrário acontecer e, por isso, estar presente nas redes sociais requer estratégia, cuidado, personalização e um trabalho de posicionamento.

Em todo o caso, estar nesse meio é fortalecer sua marca no mundo digital. É inegável que esses canais de interação podem gerar resultados para sua marca, atrair novos clientes e fidelizar os antigos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Leave a Reply